Uma homenagem a quem merece

img018Esse verão tive a oportunidade de passar alguns dias na casa de meu tio em Florianópolis, e escrevo esse texto em homenagem a ele e a minha tia, que muito já me ensinaram. Aprendi com eles o que todas as religiões dizem, mas que não vejo os pastores de hoje fazendo. O princípio básico de toda e qualquer religião, desde o judaísmo ao islamismo sempre foi o mesmo: ame ao próximo. Esse é um slogan muito bom, muito bonito, mas é aplicável ao nosso dia-a-dia na cidade grande? Aprendi que sim, e que para fazer isso três coisas são fundamentais: verdade, simplicidade e ação.

Ação:

Aprendi que, no meio da correria do dia-a-dia sempre deve haver espaço para um abraço, um beijo, uma música boa, uma cerveja. Aprendi que, antes de falar, é preciso ouvir. Aprendi que amor se faz com ações. Como diz no filme Batman, “não é o que você é por dentro, são suas ações que definem quem é você”. O amor, portanto, não é algo que se faz escondido. Ninguém ama só para si. O amor, também, não é algo efêmero: ser amor é uma escolha de vida. Como diz Osho, “o amor deve ser como a respiração. Deve ser apenas uma qualidade em você, onde quer que esteja, com quem esteja, ou mesmo se você estiver sozinho, o amor deve transbordar de você. Não é uma questão de estar amando alguém, é uma questão de ser amor”. Não é, portanto, um botão de liga e desliga, é uma filosofia de vida, e vemos isso através das ações que tomamos.

Verdade:

Amor é fazer algo para os outros como se estivesse fazendo para si mesmo. É aprender que a vida não é feita de trocas, mas de significado (verdade) permeado nas ações que tomamos. Simplesmente fazemos as coisas para os outros porque queremos, e não porque esperamos algo em troca. Como diz um amigo meu, “o melhor investimento é aquele do qual não se espera retorno nenhum”. Amor é dizer a verdade apesar do medo que se sente, apesar de saber que ficamos vulneráveis por isso, e que os outros podem se aproveitar dessa vulnerabilidade. Para amar é preciso entrega, e toda entrega deve ser verdadeira.

Simplicidade:

Por fim, amar é ser simples, mas não confunda ser simples com ser humilde. Amar não é ser humilde! Ser humilde significa estar agradando ao seu próprio ego, é dizer “olha como sou bom, sou o mais generoso de todos!”. A questão é, na verdade, nem perceber que se é humilde, a questão é ser simples por natureza. Quando se é simples se percebe que um não é melhor que outro, e sim que somos todos iguais. Amar ao próximo se torna nada mais do que amar a si mesmo…

Entenda, cada um tem dentro de si amor. Somos moldados, no entanto, a não expor o que sentimos, pois isso irá nos magoar no futuro. O que não entendemos é que o amor, por exemplo, é como uma flor: é eterno, mas não é permanente. Ele morre e nasce, rejuvenesce. Evitamos o sofrimento para tentarmos ser mais felizes, mas assim também nos privamos da alegria que é nascer de novo. Que fique claro também que o amor pode rejuvenescer entre as mesmas duas pessoas, e que não é preciso uma separação para que isso aconteça.

Falar de amor é de fato muito complicado, e de maneira nenhuma estou tentando passar uma fórmula, uma receita de bolo de o que fazer para amar. Essa é, no entanto, a minha maneira de ver esse sentimento tão profundo e complexo, mas que se torna tão simples quando vemos ele em uma ação verdadeira. Tio, muito obrigado por todo amor que tu me deu! Obrigado por me ensinar tantas coisas, por ser esse baita exemplo pra mim. Para finalizar, coloco aqui alguns versos da Madre Teresa, uma das pessoas que mais entendeu o que é amor nesse mundo:

As pessoas geralmente são pouco razoáveis, ilógicas e egoístas.

Perdoe-as, mesmo assim.

Se você for bondoso, alguns poderão acusá-lo de agir por interesse.

Seja bondoso, mesmo assim.

Se você for bem-sucedido, ganhará alguns falsos amigos e verdadeiros inimigos.

Seja bem-sucedido, mesmo assim.

Se você for honesto e aberto, algumas pessoas poderão enganá-lo.

Seja honesto e aberto, ainda assim.

O que você passou anos construindo alguém poderá destruir do dia para a noite.

Construa, mesmo assim.

Se você encontrar paz e felicidade, as pessoas poderão sentir inveja.

Seja feliz, mesmo assim.

O bem que você faz hoje muitos esquecerão amanhã.

Faça o bem, mesmo assim.

Dê ao mundo o melhor que você tem, mas talvez nunca seja suficiente.

Mas dê ao mundo o melhor que você tem.

Entenda, no cômputo final, tudo acontece entre você e Deus; nunca foi mesmo entre você e os outros.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Uma homenagem a quem merece

  1. Muito boa a tua visao e a maneira que se expressa,quisera que o mundo pudesse se espelhar nesse mundo sem falsidade e sem visar lucros materias e sim lucros de crescimento da alma, do corpo e do melhor viver!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s