Um poema para começar

Vivemos em cápsulas

Olho pela janela e encontro a beleza em meio ao caos

Me desprendo da mente,

do que eu achava ser eu mesmo

Vivo sem limites, a coragem é minha espada

Aos poucos o medo se vai, aos poucos a máscara do ego cai

A vida é Agora

Quando mais poderia ser?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s